Ensino

aulas de otorrino

A José de Mello Saúde considera estratégicos para o desenvolvimento da atividade de prestação de cuidados de saúde o investimento no ensino e a cooperação com as instituições universitárias.

Nesse sentido, tem procurado estabelecer acordos de cooperação com as principais universidades portuguesas, nomeadamente nas áreas da Medicina e Ciências da Saúde, que se consubstanciam em intercâmbios de valor acrescentado para todos os intervenientes.

 

• No âmbito do Protocolo estabelecido com a Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, que reconhece a qualidade de hospital afiliado ao Hospital CUF Porto, é ministrada formação em Medicina Interna, Ginecologia-Obstetrícia e Cirurgia Geral.

• Dando continuidade à cooperação com a Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Nova de Lisboa, a partir do ano lectivo de 2011-2012, foi atribuída a regência de otorrinolaringologia ao coordenador da especialidade do Hospital CUF Infante Santo, após provas de agregação do Prof. Doutor João Paço na FCM da UNL. No ano letivo de 2012-2013, sob a orientação do Prof. Doutor Jorge Canena, o mesmo hospital ficou responsável pela regência da especialidade de Gastroenterologia, no âmbito do Mestrado Integrado em Medicina da FCM.

• Mantém-se, com avaliação muito positiva, o programa de ensino no Hospital CUF Descobertas a alunos da FCM/UNL, nas especialidades de Pediatria, Ginecologia-Obstetrícia, Medicina Interna, Cirurgia Geral e Imunoalergologia.

• No que respeita à formação pós graduada, têm prosseguido os esforços de alargamento da capacitação e de obtenção de idoneidades formativas. Atualmente, têm esse reconhecimento as especialidades de Pediatria, Imunoalergologia e ORL do Hospital CUF Descobertas e a de ORL do Hospital CUF Infante Santo.

• O Centro de Ortopedia do Hospital CUF Descobertas continuou a realizar programas de fellowships ao abrigo de um acordo celebrado com a Associação Europeia de Ortopedia.

• A José de Mello Saúde é um dos patrocinadores do Programa de Formação Médica Avançada, desenvolvido pela Fundação para a Ciência e Tecnologia, Ministério da Saúde, Fundação Gulbenkian e Fundação Champalimaud. O programa destina-se a médicos, internos de especialidade ou especialistas, fortemente motivados para atividades de investigação clínica ou de translação.